Social Icons

30 novembro 2011

Como formatar seu trabalho segundo as normas da ABNT

Finalmente, chegamos ao ponto mais importante do processo de criação de uma monografia/tcc. Depois de escolher o orientador e o tema para sua monografia, definir qual será a linha de pesquisa e utilizar os melhores métodos para encontrar conteúdo de qualidade, considerar aspectos importantes e saber tudo sobre como fazer uma apresentação/defesa matadora, chegou a hora de formatar seu trabalho!

Neste ponto do trabalho, o aluno fica cheio de dúvidas e desesperado com tantas regras criadas para nortear a formatação do trabalho segundo as normas da ABNT, certo? Por isso trouxemos hoje um guia completo sobre como formatar sua mongrafia/tcc. Fiquem ligados e aproveitem as dicas!

A ABNT

A Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT – é o órgão que rege a normalização das diversas técnicas documentais e tecnológicas, possibilitando aos pesquisadores a perfeita formatação e estruturação de um projeto.

Há quem diga que a ABNT atrapalha ou tem regras demais. Porém, se olharmos com senso e pensamento críticos veremos o quanto é importante manter um padrão, uma estrutura em um projeto, especialmente o monográfico ou o trabalho de conclusão de curso, pois reflete a organização padronizada dos dados e informações coletados durante determinado tempo e que auxilia na confecção do conhecimento.

Formatações básicas

Antes de tudo é preciso verificar o Manual de Elaboração de Trabalhos Científicos que a instituição possui para informações mais aprofundadas. Salientamos, ainda, que as faculdades costumam adequar algumas formatações básicas, portanto acabam por criar um Manual próprio, por isso, indicamos que você conheça também o manual da sua instituição de ensino.

Neste post, no entanto, citaremos a formatação mais básica de acordo com as normas gerais da ABNT, mais comumente utilizadas.

1 – Elementos pré-textuais:

- Capa, Folha de Rosto, Catalogação na Publicação (expedida pela Biblioteca), Folha do Examinador (geralmente expedida pela Coordenação de Estágios), Dedicatória (opcional), Epígrafe (opcional), Agradecimentos (opcional), Resumo, Abstract, Sumário.

Com exceção dos itens marcados como opcionais, os demais elementos são de suma importância para direcionar e organizar a sua monografia, bem como dar rumo ao leitor, “ilustrando” o conteúdo que o espera. Por isso, é necessário que seu trabalho contenha todas as etapas citadas.

2 – Itens importantes a se considerar na formatação (NBR 14724/2005):

Configuração da página:

  • Margem superior: 3 cm;
  • Margem esquerda: 3 cm;
  • Margem inferior: 2 cm;
  • Margem direita: 2 cm.

Utilize a fonte Times New Roman (muitas faculdades aceitam a fonte Arial) para o texto da sua monografia/TCC.

Capa do trabalho

Veja abaixo o modelo utilizado para preparar a capa de uma Monografia/TCC:

(clique para ampliar)

Folha de rosto do trabalho

Abaixo temos um modelo utilizado para a folha de rosto do seu trabalho. Utilize sempre fonte Times New Roman (ou Arial) tamanho 12, sem parágrafo, entre linhas simples. Veja:

(clique para ampliar)

Folha de Aprovação

Geralmente a instituição de ensino entrega a folha de aprovação pronta ao aluno, já com as assinaturas devidas após o deferimento da sua apresentação.

Lista de ilustrações, gráficos, tabelas e siglas

Estes são itens opcionais, no entanto, recomenda-se que sejam utilizadas quando o corpo do trabalho possuir mais do que 4 imagens, gráficos, tabelas e siglas. A formatação das listas segue a formatação do sumário e devem ser feitas em página própria de listas. Veja um exemplo:

LISTA DE ILUSTRAÇÃO (centralizado e em negrito)

Ilustração 1: Título da ilustração…………….. pX.

… (um espaçamento simples entre cada ilustração)

Ilustração 2: Título da ilustração…………….. pXX.

As demais listas (gráficos, tabelas etc) seguem a mesma formatação de apresentação. Agora veja como citá-las no corpo do trabalho:

As referências seguem o mesmo padrão das referências de livros, periódicos e artigos científicos.

Notas de Rodapé e Glossário

As notas de rodapé são utilizadas quando é necessário explicar um termo, destacar uma expressão ou indicar um autor. Nas monografias do curso de Direito, o formando é obrigado a inserir notas de rodapé para cada autor citado, portanto, ao citá-lo não é necessário colocar (ANO, página), basta o sobrenome e inserir a obra pesquisada no rodapé.

Para inserir nota de rodapé (Word 2007): Referências > Inserir Nota de Rodapé.

Outros cursos também adotam essa norma, porém geralmente as notas de rodapé só são utilizadas em casos específicos quando tem uma ou outra expressão, palavra, termo desconhecido do público leigo. Se forem mais do que 10 termos, opte por criar um glossário, no qual o aluno insere todas essas expressões e os seus significados.

Insira o glossário após as Considerações Finais/Conclusão para fins de consulta.

Paginação

A localização do número da página será sempre no canto superior direito, utilizando a fonte Times New Roman/Arial e tamanho 10.

Quanto às páginas que devem ser contadas, porém não paginadas: a capa não é contada e nem paginada; os demais elementos pré-textuais (folha de rosto, errata, ata, dedicatória, agradecimentos, epígrafe, resumo, lista de ilustrações, lista de tabelas, lista de abreviaturas e siglas, lista de símbolos e sumário) são contados e não paginados. A Ficha Catalográfica não é contada nem paginada, pois será inserida no verso da Folha de Rosto.

Quanto às páginas que devem ser paginadas: são contados e paginados seqüencialmente os elementos textuais (introdução, desenvolvimento e conclusão) e pós-textuais (referências, glossário, apêndices, anexos e índice).

3 – Elementos textuais: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Parágrafo: Na primeira linha, utilize espaçamento de 1,5 cm (Atenção! Um TAB é igual a 1,25cm).

Espaçamento entre linhas: 1,5 cm entre cada linha.

Abertura de novo capítulo: Você deve iniciá-lo sempre em uma nova página.

Importante: sempre insira Quebras > Próxima Página; essa ação é imprescindível para a paginação do documento.

Abertura de nova seção: 2 espaços entre linhas, de 1,5 cm cada.

Entre o título/subtítulo e a abertura de parágrafo: 2 espaços entre linhas de 1,5 cm.

4 – Elementos pós-textuais:

- Referências bibliográficas, apêndices (material criado pelo aluno) e anexos (material bibliográfico).

As referências devem sempre ser apresentadas em ordem alfabética para facilitar a consulta. O espaçamento deverá ser simples na referência em si, em cada tópico, mas precisa ter 2 espaços simples entre as mesmas. Alinhamento sempre à esquerda.

Como fazer a referência bibliográfica

As referências são tão importantes quanto os demais itens do seu trabalho. Existem faculdades que impõem um limite mínimo de autores e obras, e geralmente são em torno de no mínimo 10 referências. De fato, quanto mais obras forem pesquisadas mais ricos serão seus argumentos para compor sua análise e conclusão.

Como não poderia deixar de ser, as referências também possuem regras específicas. Portanto, lembre-se do item anterior: anotar todas as informações sobre a edição da obra pesquisada é importante para compor a sua referência bibliográfica.

Lembre-se que uma referência mal feita ou incompleta, tanto na citação dentro do texto quanto no campo de referências, pode ser considerado plágio.

Como parafrasear os autores

Esse é o momento da pesquisa que geralmente os alunos se esquecem de dar a devida atenção, deixando sempre para organizar depois as citações e referências pesquisadas para a monografia.

Antes de iniciar o item, aconselhamos ao aluno anotar todas as informações referentes à obra bibliográfica pesquisada, sejam elas livros, sites, artigos científicos, periódicos. Separe um arquivo somente para essas informações e sempre identifique a página do seu trabalho que está utilizando a citação. Essas ações vão facilitar na ordenação e produção das referências.

Anote sempre as principais informações sobre o documento utilizado, como: Autor ou Autores (se for mais do que três autores, anotar os três principais, adiante veremos como referenciar utilizando et al, títulos e subtítulos, edição (se houver), editora, cidade, ano, quantidade de páginas e a página que utilizou a citação. Se todas as informações não forem coletadas, corre-se o risco de esquecê-las e, assim, as citações podem ser vistas como um plágio (como veremos adiante).

Como fazer citações

Existem dois tipos de citação que podem ser utilizados, veja a descrição deles e os exemplos abaixo:

1 – A direta, que corresponde à transcrição integral de uma parte do texto pesquisado; que deve ser apresentada entre aspas (até três linhas), caso contrário, aparecerá recuada em 4cm da margem esquerda, utilizando-se tamanho de fonte 10, espaçamento simples e o alinhamento do texto justificado, seguida do sobrenome do autor, ano da publicação. Sendo necessário indicar o número da página de onde foi extraída a informação. Neste caso, a citação é antecedida e precedida por dois espaços simples.

2 – A citação indireta é a transcrição das ideias do autor consultado, usando suas palavras, ou seja, é uma paráfrase. Como a ideia continua é do autor e não sua, é necessário citar a fonte: dar crédito ao autor, sendo apenas desnecessário indicar o número da página do livro pesquisado. Essa é uma das citações que os orientadores mais curtem, pois possibilita que o aluno exponha seus conhecimentos a partir do conhecimento de um “mestre”, abrindo espaço para que o pesquisador aprenda com maior facilidade.

Saiba escolher bem as suas bibliografias. Elas devem trazer entendimento e riqueza à pesquisa acadêmica. E uma dica: brinque com as citações, amarre-as para que sigam uma linha de raciocínio, e sempre analise-as com dedicação para não colocar pensamentos desnecessários só pelo fato de serem “bonitos”. A informação deve ser útil à produção.

Novidade! Regras sustentáveis

Em 2011, a NBR 14.724 vem com uma novidade muito interessante. Antes, os trabalhos deveriam ser impressos em papel branco. Com a NBR 14724, o acadêmico tem a opção de imprimir o seu trabalho em papel reciclado.

Além disso, você também pode escrever nos dois lados das folhas (anverso e verso) na parte textual e pós-textual. No entanto, deve-se tomar muito cuidado: Se você escrever somente no anverso das folhas, a margem esquerda deve ser de 3cm, com esta nova regra, você deverá colocar a margem direita dos versos das páginas em 3cm.

Pense nessas novas opções! Temos que preservar nosso planeta!

A seguir, saiba quais as consequências do seu trabalho ser considerado plágio.

As consequências do plágio

Plágio é uma situação em que o aluno tem a intenção clara de se passar pelo autor de um texto, imagem, fotografia, música, gráfico etc. Veja abaixo os tipos de plágio existentes:

  • Plágio integral – Quando o aluno cita de forma integral um texto que não é de sua autoria.
  • Plágio parcial – Quando o aluno monta um trabalho acadêmico com partes de diversos textos que não são dele. Uma montagem de cópias de vários atores sem os devidos créditos.
  • Plágio conceitual – Quando o aluno apenas reescreve a idéia de um autor, sem dizer claramente que a idéia é de outra pessoa.

Veja abaixo o que o Código Penal Brasileiro, em vigor, prevê para os casos de crime contra a propriedade intelectual em seu Artigo 184:

  • Violar direito autoral: Pena – detenção, de 3 meses a 1 ano, ou multa.

§1º Se a violação consistir em reprodução, por qualquer meio, com intuito de lucro, de obra intelectual, no todo ou em parte, sem autorização expressa do autor ou de quem o represente, (…): Pena – reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa, (…).

§ 2º Na mesma pena do parágrafo anterior incorre quem vende, expõe à venda, aluga, introduz no País, adquire, oculta, empresta, troca ou tem em depósito, com intuito de lucro, original ou cópia de obra intelectual, (…), produzidos ou reproduzidos com violação de direito autoral.

Considerações Finais

Viram só como é fácil!? Formatar uma monografia não é um bicho de sete cabeças, você precisa só de paciência, dedicação e muita, muita atenção aos detalhes.

Se tiverem mais alguma dica importante ou dúvida que, por ventura, não foi contemplada por este post, é só deixar abaixo nos comentários. Será um prazer ajudá-los!

Participe, tire suas dúvidas e tenha muito sucesso em sua monografia/TCC.

Fonte: www.sobreadministração.com.br

13 comentários:

  1. Gostei muito deste conteúdo de como formatar monografia. Na verdade foi o único excelente que encontrei na internet. Parabéns ao autor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elienai, o conteúdo é do www.sobreadministracao.com.br, mas publicamos aqui pela qualidade do texto. Que bom que gostou e vai tirar proveito. Grande abraço e continue participando do blog! FSJ

      Excluir
  2. ERA TUDO QUE EU ESTAVA PRECISANDO.FOI O MELHOR QUE ENCONTREI ATÉ AGORA. ESTAVA MESMO PRECISANDO POIS VOU INICIAR MINHA MONOGRAFIA. PARABÉNS A QUEM POSTOU. CERTAMENTE IRÁ AJUDAR MUITA GENTE.

    ResponderExcluir
  3. Creuza, realmente é bastante completo. Esperamos que ajude. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  4. muito bom ! meu professor pediu para fazer um trabalho na escola para se acostumar . eu tenho que fazer realmente tudo isso neh? kkk mas o conteudo muito bom mesmo ;D

    ResponderExcluir
  5. Thaís, o conteúdo é bastante completo, esperamos que ajude. Grande abraço e continue participando do nosso blog! FSJ

    ResponderExcluir
  6. Precisa fazer uma apresentação de Power Point?
    Precisa formatar um trabalho acadêmico?
    Precisa digitar folhas de rascunho?

    Nós temos a solução.
    Confira nossos serviços!

    Contate-nos: novomundosemovo@gmail.com

    ResponderExcluir
  7. Cara que demais adorei mesmo obrigado pelas dicas e continue asim .

    ResponderExcluir
  8. ual amei ta mt bem explicado..mas estou triste na minha escola passa trabalho o tempo inteiro e vai ter que ser sempree assim ...#to frita

    ResponderExcluir
  9. Isabelly, é bom que vai acostumando e quando chegar a hora de entregar a monografia vai estar dominando as técnicas! Grande abraço e continue participando do nosso blog!

    ResponderExcluir
  10. Precisa fazer uma apresentação de Power Point? Precisa formatar um trabalho acadêmico? Precisa digitar folhas de rascunho? Nós temos a solução. Confira nossos serviços! Solicite orçamento: novomundosemovo@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. Adorei o blog, me ajudou muito em um trabalho. Muito apropriado para aqueles que não conhecem/conheciam as normas e o professor pede pra fazer seguindo as regras da ABNT, que foi o meu caso! Obrigada. vocês do blog me adicionem no face: facebook.com/slmedeiritos =)

    ResponderExcluir

 

PIT

O Pit - Programa de Integração ao Trabalho das Faculdades São José tem como objetivo preparar e integrar o aluno para o mercado de trabalho, transmitir experiência profissional através de palestras, oficinas e workshops, além de captar vagas e supervisionar os estágios, também atua dando orientações e preparando os alunos para processos seletivos de estágios e empregos.